Suíno Preço Base
Cooper Central Aurora: R$ 3,00
Pamplona: R$ 3,00
BRF (Sadia/Perdigão): R$ 3,00
JBS Foods: R$ 3,10
+ Bonificação de Carcaça (Média da Bonificação 10%)

Ver Histórico

Bolsa de Suínos
Santa Catarina: R$ 3,10
São Paulo: R$ 3,68
Minas Gerais: R$ 4,10
Paraná: R$ 3,40

Ver Histórico

Mercado de Grãos - Santa Catarina
Milho: R$ 30,00 (Referência Copérdia)
Farelo de Soja: R$ 1,17

Ver Histórico

 
Links da Suinocultura
ABCS
ABIPECS
CANAL RURAL
CEPEA
CHEFF MUELLER
CIDASC
DESENVOLVIMENTO GOV.
EMBRAPA
FAESC SENAR/SC
FATMA
NOTÍCIAS AGRÍCOLAS
PÁGINA RURAL
PORKWORLD
PRESENTE RURAL
SAFRAS & MERCADO
SEC. DA AGRICULTURA
SUINO.COM
SUINOCULTURA INDUSTRIAL
SUINOS.COM.BR
TERRA VIVA
 
ou data:
NOTÍCIAS DA ACCS
18/05/2017 às 8h53
Atualizada em 18/05/2017 - 10h00
Redução permanente do ICMS tramita na Alesc
Deputados que representam o agronegócio demonstraram apoio ao pleito dos suinocultores
Compartilhe esta notícia:


Deputado José Nei Ascari e deputado Natalino Lázare (Foto: Tiago Rafael/ACCS)

O presidente da Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), deputado Natalino Lázare, articula no parlamento a redução do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na comercialização de suínos vivos para outros estados. O objetivo é de que o tributo seja reduzido pela metade, passando de 12% para 6%. A medida vai garantir competitividade aos produtores no mercado interno, já que muitos ainda trabalham sem margem de lucro, pois ainda arcam com os prejuízos deixados pelas crises.

A redução do ICMS tem o apoio dos sete parlamentares da Comissão de Agricultura e também do presidente da Frente Parlamentar da Suinocultura, José Nei Ascari. A diminuição da alíquota do ICMS ganhou força nos últimos dias, já que os deputados do Rio Grande do Sul aprovaram, na semana passada, uma lei fixando o tributo em 6%. “É preciso tratar deste assunto e estabelecer uma alíquota única, caso contrário os pequenos suinocultores, em especial, serão muito prejudicados”, alerta o deputado Natalino Lázare.
 
A Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS) defende que os três estados do Sul precisam formalizar uma alíquota única, assegurando mais competitividade na venda de suínos não absorvidos pelos estados. No ano passado, época em que a suinocultura atravessou uma de suas piores crises, a redução do ICMS reivindicada pela ACCS foi aplicada pelo Governo do Estado entre os meses de março e dezembro.

Em entrevista ao canal Rural, o presidente da ACCS, Losivanio Luiz de Lorenzi, explica que, para agilizar o pedido, a redução do ICMS pode ocorrer através de decreto do Governo do Estado. Caso contrário, o pleito deve tramitar via Projeto de Lei na Alesc, com base na decisão ocorrida no Rio Grande do Sul. “Esperamos ter uma resposta do governo até a metade da próxima semana. Caso ela seja negativa, vamos trabalhar através de Projeto de Lei na Alesc”.

Desde a operação Carne Fraca, a desvalorização do valor pago pelo quilo do suíno vivo ao produtor integrado foi de R$ 0,20 e de R$ 0,50 ao independente. “Isso traz um grande desanimo para o setor. Viemos de várias crises e de renegociações de dívidas para nos manter na atividade. O produtor precisa ter margem de lucro que garanta qualidade de vida no campo”.

Fonte: ACCS
 
Comentário
 
      Nenhum comentário para esta notícia!
Deixe seu Comentário para a notícia "Redução permanente do ICMS tramita na Alesc"
(*) - Todos os campos são de preenchimento obrigatório.
Seu Nome*:
Seu E-mail*:
(o email não será publicado)
Cidade*:
Estado*:
Comentário*:
  500 caracteres restantes.
Eu li e aceito as regras de publicação de comentários. VER REGRAS

VEJA TAMBÉM - Outras Notícias da Categoria NOTÍCIAS DA ACCS
26/06/2017 - Queda no preço base deixa suinocultores em alerta
O valor pago pelo quilo do suíno vivo tem queda pela segunda semana consecutiva na integração. Aurora, Pamplona e BRF remuneram R$...
21/06/2017 - Produtores de Ouro elegem nova diretoria
Suinocultores de Ouro, no Meio-Oeste de Santa Catarina, elegeram na noite de terça-feira (20) a nova diretoria do Núcleo Municipal...
20/06/2017 - Suinocultores de Joaçaba elegem nova diretoria do Núcleo Municipal
Mais de 30 suinocultores de Joaçaba participaram da eleição do Núcleo Municipal de Criadores de Suínos realizada no último dia 16,...
19/06/2017 - Suinocultura catarinense: dedicação nas mãos, paixão no coração
Enquanto o país atravessa um dos piores momentos políticos da história, em Nova Erechim, região Oeste de Santa Catarina, a família...
1 Comentário
14/06/2017 - Núcleo Municipal de Criadores de Suínos de Treze Tílias elege diretoria
O Núcleo Municipal de Criadores de Suínos de Treze Tílias elegeu na noite de ontem (13) a nova diretoria. O suinocultor Ricardo...
09/06/2017 - Governador pode anunciar redução do ICMS na Feagro
O governador de Santa Catarina, João Raimundo Colombo, deve prestigiar neste sábado (10) a Feira e Exposição Agropecuária do Vale...
09/06/2017 - Lideranças marcam presença na abertura da Feagro 2017
Lideranças de vários setores prestigiaram na noite de ontem a abertura oficial da Feagro 2017, uma das principais...
08/06/2017 - Homenagens marcam a primeira noite da Feagro
A equipe da ACCS acompanha a Feagro 2017, uma das maiores feiras do Agronegócio de Santa Catarina. Na noite de ontem (7), ocorreu...
07/06/2017 - Websérie – Suinocultura catarinense: dedicação nas mãos, paixão no coração
Foi com o abate de apenas um boi por semana que começou a história de sucesso da Pamplona, localizada em Rio do Sul, no Vale do...
01/06/2017 - Núcleo de Água Doce elege nova diretoria
Estar próximo dos suinocultores de todas as regiões é uma das missões da Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS). Na...
 
 
Rua do Comércio, nº 655
Centro, Concórdia / SC
CEP: 89700-089
Diretoria
Granjas de Material Genético
50 anos de ACCS
55 anos de ACCS
Relatórios Anuais
Frente Parlamentar
Núcleos e Associações
50 anos ACCS
55 anos ACCS
Rádio ACCS
TV ACCS
Notícias
Links da Suinocultura
Receitas
Newsletter
Agenda de Eventos
Previsão do Tempo
Galeria de Fotos
© - Ideia Good - Soluções para Internet