Suíno Preço Base
Cooper Central Aurora: R$ 3,10
Pamplona: R$ 3,10
BRF (Sadia/Perdigão): R$ 3,00
JBS Foods: R$ 3,10
+ Bonificação de Carcaça (Média da Bonificação 10%)

Ver Histórico

Bolsa de Suínos
Santa Catarina: R$ 3,80
São Paulo: R$ 4,32
Minas Gerais: R$ 4,20
Paraná: R$ 4,00

Ver Histórico

Mercado de Grãos - Santa Catarina
Milho: R$ 34,00 (Referência Copérdia)
Farelo de Soja: R$ 1,20

Ver Histórico

 
Links da Suinocultura
ABCS
ABPA
CANAL RURAL
CEPEA
CIDASC
CNA
EMBRAPA
FAESC SENAR/SC
FATMA
MAPA
MDIC
NOTÍCIAS AGRÍCOLAS
O PRESENTE RURAL
PÁGINA RURAL
PORKWORLD
SAFRAS & MERCADO
SEC. DA AGRICULTURA
SUINO.COM
SUINOCULTURA INDUSTRIAL
TERRA VIVA
 
ou data:
NOTÍCIAS DE MERCADO
19/05/2017 às 8h1
SC bate recorde de desemprego
São 297 mil pessoas sem trabalho no Estado
Compartilhe esta notícia:


Foto: Ilustração/Diário Catarinense

Santa Catarina bateu mais um recorde de desemprego no primeiro trimestre de 2017, com 7,9% de desocupação, revelou a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua trimestral, divulgada nesta quinta-feira pelo IBGE. Com isso, a população sem trabalho no Estado alcançou 297 mil pessoas, 78 mil a mais que no mesmo período do ano passado, variação de 35,8%. Na comparação com o trimestre imediatamente anterior houve incremento de 71 mil pessoas (31,3%). Apesar do crescimento, SC segue sendo o Estado com a menor taxa do país.
 
Para o levantamento, são consideradas ocupadas as pessoas que exerceram ao menos uma hora de atividade remunerada na semana de referência, ou seja, na semana anterior à da entrevista do IBGE. Os desocupados são os que fazem parte da força de trabalho e estão efetivamente à procura de serviço.
 
A PNAD também mostrou a variação do índice entre cores ou raças, conforme a classificação do IBGE. Para o primeiro trimestre a taxa de desocupação entre brancos foi de 7,1%; entre negros, de 10,2%; e entre pardos, de 12%.
 
O nível de formalidade - trabalho com carteira assinada - teve leve queda, passando de 89,1% para 88,8%, considerando os ocupados na iniciativa privada.
 
Florianópolis, capital com menor índice de desocupação, também teve aumento na taxa, de 5,9% no primeiro trimestre do ano passado para 6,3% em igual período deste ano.
 
No país, a taxa foi de 13,7% nos três primeiros meses deste ano, conforme divulgado no dia 28 de abril, a mais alta na série histórica. A unidade da federação com o pior resultado foi a Bahia, com 18,6%.
 
Apesar de alguns indicadores positivos para a economia, como melhora de exportações, o emprego ainda patina. Para o economista e supervisor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) em SC, José Álvaro Cardoso, o Brasil ainda está mergulhado na recessão:
 
“Eu não estou vendo, nem na indústria nem no comércio, a não ser aqui e ali, sinal claro de retomada. Mesmo que houvesse, existe sempre um gap entre uma virada da conjuntura e seus efeitos no mercado de trabalho”, explica Cardoso.
 
Rendimento subiu no Estado
 
O rendimento médio real por mês em SC passou de R$ 2.130 nos primeiros três meses de 2016 para R$ 2250 no primeiro trimestre deste ano.  Para Cardoso, esse incremento é apenas residual. Já em Florianópolis, caiu de R$ 2473 para R$ 2394, no mesmo tipo de comparação. 
 
Caged X PNAD Contínua
 
É importante diferenciar a PNAD Contínua trimestral, de ocupação e desocupação, do IBGE, do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), levantamento do Ministério do Trabalho. O Caged é mensal e leva em conta o saldo de empregos e contabiliza apenas vagas com carteira assinada. Já o índice do IBGE, trimestral, analisa o estoque da força de trabalho desocupada, e leva em conta pessoas com ou sem carteira de trabalho.
 
O resultado do Caged de abril mostrou que o Estado teve saldo de 1,8 mil vagas. No entanto, o acumulado dos últimos 12 meses segue negativo, com menos 14 mil postos de trabalho no Estado.

Fonte: Diário Catarinense
 
Comentário
 
      Nenhum comentário para esta notícia!
Deixe seu Comentário para a notícia "SC bate recorde de desemprego"
(*) - Todos os campos são de preenchimento obrigatório.
Seu Nome*:
Seu E-mail*:
(o email não será publicado)
Cidade*:
Estado*:
Comentário*:
  500 caracteres restantes.
Eu li e aceito as regras de publicação de comentários. VER REGRAS

VEJA TAMBÉM - Outras Notícias da Categoria NOTÍCIAS DE MERCADO
08/12/2017 - Valor Econômico: Um natal de vendas aquecidas para as empresas de carnes
Após dois anos decepcionantes, o Natal voltará a ser comemorado pelas empresas de carnes do país. Embaladas pelo ambiente...
08/12/2017 - Melhorar a percepção do Brasil no exterior é um desafio para ampliar mercado, diz Maggi
Melhorar a imagem para facilitar negócios é o maior desafio do país no exterior, de acordo com o ministro da Agricultura, Pecuária...
08/12/2017 - Suinocultura chega ao fim do ano com quadro preocupante
A reta final do ano não mudou em nada a situação ruim por quê passou o setor suinícola durante praticamente todo o ano de 2017. E...
07/12/2017 - Exportações de suínos registram queda superior a 20% em novembro
As exportações de suínos registraram queda em novembro tanto em volume quanto em faturamento. No Brasil foram embarcadas 45,8 mil...
07/12/2017 - Funrural: Novo Projeto de Lei tem texto base aprovado pela Câmara com 325 votos
A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira o texto substitutivo ao Projeto de Lei 7391, que trata do parcelamento de dívidas...
07/12/2017 - Nova Diretoria assume Conselho Regional de Medicina Veterinária de Santa Catarina
O Gerente Estadual de Defesa Sanitária Animal da Cidasc, Marcos Vinícius de Oliveira Neves, toma posse nesta sexta-feira (8) como...
07/12/2017 - Prefeito Buligon é eleito presidente do BRIPAEM
O Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon foi eleito nesta tarde do último dia 6, em Buenos Aires, presidente do BRIPAEM – Bloco...
06/12/2017 - Uruguai e Angola aumentam importação de carne suína brasileira
O volume de importação da carne suína brasileira para os mercados do Uruguai e Angola aumentaram no último mês, de acordo com o...
06/12/2017 - PIB do agronegócio deve fechar ano em queda de 2%
O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio deve fechar 2017 com queda de 2% em relação ao ano passado, segundo dados...
06/12/2017 - Deputados rebatem crítica de frigoríficos ao PL do Funrural
A Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) negou, em nota, que o Projeto de Lei (PL) para renegociar as dívidas do Fundo de Apoio ao...
 
 
Rua do Comércio, nº 655
Centro, Concórdia / SC
CEP: 89700-089
Diretoria
Granjas de Material Genético
50 anos de ACCS
55 anos de ACCS
Relatórios Anuais
Frente Parlamentar
Núcleos e Associações
50 anos ACCS
55 anos ACCS
Rádio ACCS
TV ACCS
Notícias
Links da Suinocultura
Receitas
Newsletter
Agenda de Eventos
Previsão do Tempo
Galeria de Fotos
© - Ideia Good - Soluções para Internet