ACCS - Associação Catarinense de Criadores de Suínos

Notícias


Alemanha enfrenta luta de longo prazo contra a peste suína africana

Animais selvagens que cruzaram a fronteira da Polônia para a Alemanha foram responsáveis por um surto no ano passado

02/09/2021 às 10h03


A Alemanha está enfrentando uma batalha de longo prazo para erradicar a peste suína africana transportada para o leste do país por animais selvagens, disseram autoridades estaduais e federais na quarta-feira.
 
Cerca de 2.036 casos da doença foram confirmados em javalis perto da fronteira com a Polônia, onde a doença é generalizada. Animais selvagens que cruzaram a fronteira da Polônia para a Alemanha foram responsáveis por um surto no ano passado.
 
A China e muitos outros compradores de carne suína proibiram as importações de carne suína alemã em setembro de 2020, depois que o primeiro caso foi confirmado em javalis, causando uma grande perda de negócios para a Alemanha.
 
"A peste suína africana é um problema para toda a Alemanha e toda a União Européia", disse Wolfram Guenther, ministro da Agricultura do governo estadual da Saxônia, após uma reunião dos ministérios da agricultura estaduais e federais sobre o combate à PSA.
 
"A luta contra a PSA é um verdadeiro desafio de longo prazo, pois devemos prevenir ou pelo menos minimizar a propagação por uma longa fronteira."
 
Em julho, a doença, que é letal para porcos, mas inofensiva para humanos e para a qual não há vacina, foi encontrada em suínos em três fazendas do leste da Alemanha, complicando as negociações comerciais com importadores de carne suína, incluindo a China.
 
A estratégia da Alemanha para combater a doença inclui a construção de cercas ao longo da fronteira com a Polônia para impedir a entrada de javalis no país, o aumento da caça de animais selvagens e medidas de higiene mais rígidas nas fazendas. A doença foi contida até agora em regiões fronteiriças com a Polônia.
 
"Se a doença se espalhar mais para o oeste, outros estados alemães podem se tornar regiões da PSA, com todas as consequências", disse Guenther, que pediu mais apoio financeiro da UE e do governo federal.
 
Uwe Feiler, o ministro federal da agricultura, disse que a Alemanha pediu, sem sucesso, que a Polônia construísse sua própria cerca na fronteira.

Fonte: Suinocultura Industrial



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Fique tranquilo que ele não será exibido junto ao comentário.







Veja Também









Parceiros

COASC
49 3442 6158
49 8835 0275
MAGNANI - IMPLEMENTOS PARA SUINOCULTURA
49 3452 2266
TOPGEN
(43)3535-1432
Sky Sollaris
(49) 3442-0072
(49) 99912-8000
SICOOB CREDIAUC
49 34411300
G&S AGRO INFORMÁTICA
49 3566-4381
DB GENÉTICA SUÍNA
(34) 3818-2500
AGROCERES PIC - GENÉTICA DE SUÍNOS
(19) 3526-8580
EQUITTEC
(54) 3442-5666
AGROCOASC
(49) 3442-6158

Newsletter

Fique por dentro das novidades.

Novidades no Whatsapp