ACCS - Associação Catarinense de Criadores de Suínos

Notícias


Peste suína africana: novas restrições à importação de carne suína introduzidas

Medidas são adotadas na Ilha de Jersey, localizada no Canal da Mancha

18/11/2022 às 13h00


Novas restrições à importação de carne suína foram introduzidas para ajudar a impedir que a peste suína africana chegue às fazendas locais.

As restrições – que estão sendo introduzidas em Jersey com efeito imediato – cobrem a importação de carne suína e produtos suínos da UE.

Carne suína ou produtos suínos ainda podem ser importados do Reino Unido.

A peste suína africana é encontrada na África e na Ásia, mas recentemente começou a se espalhar rapidamente por áreas da Europa.

Nunca houve um caso confirmado em Jersey.

O vírus tem uma alta taxa de mortalidade em porcos, mas não afeta os seres humanos.

As restrições ocorrem depois que Guernsey implementou a mesma proibição às importações de carne suína no início desta semana.

Existem algumas isenções à proibição, com carne suína e produtos suínos permitidos se forem:

– 2kg ou menos para consumo humano na embalagem original fechada e claramente marcada como saudável; ou

– 2kg ou menos de ração para animais de estimação em uma embalagem fechada e lacrada pelo fabricante.

Não há novos limites para carne suína ou produtos importados comercialmente, desde que estejam na embalagem original fechada, sejam importados por – ou para entrega a – uma empresa de alimentos registrada e tenham claramente a marca de saúde.

O ministro do Meio Ambiente, Jonathan Renouf, disse: 'A peste suína africana tem uma alta taxa de mortalidade em suínos, sabemos que está se espalhando por toda a Europa, e essas medidas nos ajudarão a impedir que esse vírus chegue às nossas fazendas locais.

'Quero tranquilizar os ilhéus de que esta é uma doença que afeta apenas a família dos porcos e não tem implicações para a saúde dos humanos.'

Ele acrescentou: 'Nesta época do ano, estamos particularmente interessados em garantir que aqueles que encomendam cestas de Natal, por exemplo, estejam cientes de que não poderão trazer grandes presuntos ou grandes quantidades de carne de porco da Europa.'

A peste suína africana é uma doença de notificação obrigatória em Jersey, o que significa que qualquer pessoa que suspeite de sua presença deve denunciá-la imediatamente à equipe veterinária dos Estados em 01534 441600.

Os principais sintomas da peste suína africana em suínos são febre, perda de apetite, falta de energia e morte súbita com poucos sinais prévios.

Onde fica Jersey: Jersey é a maior das Ilhas do Canal da Mancha e fica entre a Inglaterra e a França. Uma dependência autônoma do Reino Unido, com uma mistura das culturas inglesa e francesa, ela é conhecida pelas praias, pelas trilhas para caminhada em desfiladeiros, pelos vales no interior e por seus castelos históricos. O complexo de túneis da guerra, que fica em um antigo hospital escavado com trabalho escravo, documenta a ocupação da ilha pela Alemanha por 5 anos durante a 2ª Guerra Mundial.

Fonte: jerseyeveningpost.com



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Fique tranquilo que ele não será exibido junto ao comentário.







Veja Também









Parceiros

SICOOB CREDIAUC
49 34411300
COASC
49 3442 6158
49 8835 0275
Sky Sollaris
(49) 3442-0072
(49) 99912-8000
AGROCOASC
(49) 3442-6158
G&S AGRO INFORMÁTICA
49 3566-4381
TOPGEN
(43) 3535-1432
MAGNANI - IMPLEMENTOS PARA SUINOCULTURA
49 3452 2266
DB GENÉTICA SUÍNA
(34) 3818-2500
EQUITTEC
(54) 3442-5666
AGROCERES PIC - GENÉTICA DE SUÍNOS
(19) 3526-8580

Newsletter

Fique por dentro das novidades.

Novidades no Whatsapp